sobre/about

Prozak

Prozak

Celso Mazu iniciou sua carreira pintando na rua nos anos 90, influenciado por um estilo de vida ligado ao skate e as consequentes derivas na cidade de São Paulo.  Formou-se em Artes Plásticas na Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) em 2000 e desde então expôs e pintou nos EUA, Japão, Europa Argentina e em diversas cidades do Brasil.
Sua trajetória transita entre as pinturas na rua e exposições no circuito fechado.
Mazu é claramente preocupado com os diversos suportes que utiliza e a relação dos diferentes espectadores imersos à overdose de significância impregnados em suas obras nesses diferentes espaços. A constante reflexão sobre a própria produção artística nunca o deixou estagnado em uma técnica ou metodologia. Pelo contrário, segue evoluindo seu olhar e fatura sem desviar da linha característica de seu trabalho.
PROZAK é o pseudônimo que adota em 2003, onde usa o símbolo da mundialmente reconhecida marca de remédio numa metonímia, que indicia a cidade, para responder às inquietações e saturações sociais no cotidiano. Os elementos usados na estrutura das pinturas fazem referencia a um dicionário de símbolos democraticamente acessíveis. A palheta de tons carregados nasceu naturalmente em sua prática, demandado pelos conceitos e metáforas surgidas ao longo de um percurso irônico e carregado de personalidade.
Na série de trabalhos mais recente, a cor aparece como conjunto de massa orgânica pluridimensional, onde as camadas saltam do fundo dado pela cidade. A diversidade cromática de Mazu sintetiza o mundo saturado de informações e imposições por que perpassa sua geração.

Principais exposições realizadas:
2015- Manifesto- Exposição individual, Tag Gallery São Paulo, Brasil
2014- Niño- Exposição coletiva, El Contenedor, Assunção, Paraguai
2013- Multifaces- Exposicão individual, Pure Evil Gallery, Londres, Reino Unido
2013-Traffic Design festival, Gdynia, Polonia
2013- Segunda Bienal Graffiti fine arts, Mube, São Paulo, Brasil
2012- Prozak, Behind a glass wall, Winkelhaak design center, Antuérpia, Bélgica
2012- Sujo, Montana Shop and Gallery, Barcelona, Espanha
2012- Fiend Projects, Antuérpia Bélgica
2011- I am Braziallity, Wicknhey Hack Festival Londres, Reino Unido
2011- Monumental art festival, Gdansk Polonia
2010- Graffiti em Recorte, Florianópolis Brasil
2010- Layers, Galeria Tag and Juice, S ão Paulo-SP (exposição individual)
2008/2009- Entre Oceanos, Memorial da America Latina
2008- (i)legitimo, Paço das artes, São  Paulo- SP
2008- Brasil creative art session, Kawasaki City Museum, Kanagawa, Japão
2008- Ventos do Brasil, Teatre de sense gallery, Tokyo Japão
2008- Street-art do graffiti a pitnura MAC, São Paulo- SP
2007- Fresh produce 2007 gallery AD, San Jose, California
2006 – Spray o novo muralismo latino-americao, Memorial da America Latina, Såo Paulo
2006 – PROZAK X CIROSCHU, Graffiteria, Såo Paulo
2004 – Olhares Impertinentes. MAC, São Paulo – SP
2003 – Expo Catalixo, Galeria Choque Cultural Sao Paulo
2002 – Coletivo Rua , MAC Americana SP